sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Infância Perdida

Prezados leitores do Blog do Oscar, assistindo aos telejornais da última quarta-feira, fiquei estarrecido com a reportagem que mostrou o quanto nossos políticos e governantes estão dando a mínima para o crescimento da criminalidade e delinquência desde seus primórdios, ou seja, desde as mais tenras idades.

A reportagem retratada pelos telejornais, mostrou um grupo de mais de 10 crianças com menos de 12 anos de idade que invadiram um hotel na zona sul de São Paulo e tentaram roubar um telefone celular de um hóspede. A polícia de SP deteu sete delas e encaminhou ao Conselho Tutelar, por se tratarem de menores com idade abaixo dos 12 anos. Diante da notícia veiculada em rede nacional pelos principais telejornais, a presidenta Dilma Rousseff  limitou-se apenas a publicar um texto do filósofo Renato Janine Ribeiro sobre os arrastões promovidos ultimamente por "meninos e meninas" menores de idade na cidade de São Paulo. O texto diz: "Mães e pais ausentes, estado omisso, gente sem futuro; isso devia estar sendo discutido, e não a Copa do Mundo, os aeroportos, sei lá o quê..."

Visitando os sites de notícias G1 da Rede Globo e o R7 da Rede Record, me deparo com as seguintes chamadas de notícias:
- Menores são acusados de atear fogo em dois ônibus na Paraíba;
- Vídeo mostra chute de aluno em diretora de escola em Minas Gerais;
- Polícia diz que oito adolescentes praticavam estupros em Mato Grosso;
- Rapaz é detido em Cuiabá ao assaltar posto de combustíveis com arma de uso restrito da Polícia Federal;
- Cinco jovens são acusados de abusar sexualmente jovem de 14 anos;
- A cada cinco infratores, um não possui o nome do pai nos documentos.

E por aí vai meus caros leitores, na maioria das chamadas de notícias, sempre há menores envolvidos em delitos e crimes. É assustador para uma nação o alto índice de delinquência juvenil! Nossas autoridades acham que uma Copa do Mundo é mais importante do que a quantidade de crianças e jovens que perdemos todos os dias para o crime, as drogas e a prostituição.

Sabemos que os motivos que levam nossas criança e jovens a enveredarem pelo mundo do crime são várias, vai desde a desintegração da família, passando por mães solteiras ainda na infância e adolescência, passando por pais sem estrutura nenhuma para desempenharem esse papel, problemas de alcoolismo e drogas entre um dos pais, mães solteiras abandonadas pelo homem que deveria ser o marido, o pai, o provedor da família, tendo que trabalhar fora de casa para poderem alimentar os filhos abandonados, deixando a educação dos filhos a cargo da escola, que também não possui preparo suficiente para tal tarefa e outros, entregues à própria sorte.

Nossos governantes não estão nem um pouco preocupados com o crescimento desses problemas sociais, não vejo nenhuma medida concreta sendo tomada no sentido de salvar essas crianças e jovens! O sistema correcional usado atualmente para recuperar essas crianças e jovens, ESTÁ FALIDO há muito tempo! O governo deveria construir escola em regime de tempo integral, fornecendo a essas crianças e jovens alimentação diária, ensino fundamental e médio concomitante com o aprendizado de uma profissão técnica, esporte, cultura e lazer, além de ajuda aos pais através do serviço de assistência social e psicológica, para que os pais não se sintam tão perdidos na educação de seus filhos.

O governo deveria retirar as crianças e jovens que estão nas ruas e em situação de risco, deveria desenvolver um trabalho de reeducação e ressocialização, mostrando a essas crianças e jovens o quanto eles são importantes para a comunidade, para o país em que vivem e para o mundo. Mostrar-lhes que, o presente e o futuro da comunidade, do país e do mundo, dependem deles, está nas mãos deles! Dessa forma, creio eu, as mazelas que sofremos e presenciamos diariamente, seriam minimizadas e as chamadas do noticiário envolvendo crianças e jovens não seriam tantas!  

Se nossos governantes não atentarem para esses problemas, de nada adianta construir milhares de centros de recuperação de crianças e menores infratores, de nada adianta construir milhares de delegacias, presídios e penitenciárias, isso seria apenas medidas paliativas, o que, vem sendo feito desde que tenho entendimento da vida. O Estatuto da Criança e do Adolescente precisa ser revisto e atualizado, o Código Penal, também precisa ser revisado e adequado à nova realidade do país. A menor idade precisa ser revista e atualizada para atender à nova realidade que vivemos.

Fica aqui registrado o meu alerta e minha opinião sobre o tema. "Os pequenos delinquentes de hoje, serão os bandidos de alta periculosidade de amanhã".

ACORDA BRASIL!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sorteio de R$150,00 – você só precisa comentar!

Taí uma bela oportunidade ganhar R$ 200,00 com programas de afiliados!!! Acessem o link abaixo e vejam as regras para concorrer ao prêmio!!!...